CLUBE DO CORCEL FORTALEZA

CLUBE DO CORCEL FORTALEZA

domingo, 24 de maio de 2009

1º Rally da Integração Nacional (De Fortaleza ao Chuí )

04 à 13 de Julho de 1971
Largaram em Fortaleza... 116 carros. O Rallye foi uma loucura, (infelizmente teve mortes). As médias impostas pelos organizadores foram altíssimas. Só pra ter uma idéia, o tempo de viagem imposto de São Paulo para Curitiba foi de 3 horas (a Régis Bitencourt não tinha pista dupla)!!!



>

O 1º Rali da Integração Nacional, realizado em 1971, percorreria o Brasil de Norte a Sul, desde Fortaleza até o Chuí, num percurso de quase 5.000 km, intercalado por algumas provas de prime contra o relógio. Caracterizou-se pela enorme briga entre o batalhão de carros da equipe Ford (4 Corcel e uma Belina, todos com kit Bino de 1440 cc) capitaneados pelo Greco e o solitário Puma de Jan Balder/Malowski, que acabou vencendo na geral. Este rali nada mais era que uma tremenda propaganda do Ministério dos Transportes do Governo Médici, época do Brasil Grande, Ame-o ou Deixe-o, Dom e Ravel. O que não tira o mérito da ddupla vencedora. No Rali, duas vítimas: uma fatal, o piloto gaúcho Zaffari que capotou seu Dodge Dart. A segunda foi Tite Catapani que capotou seu Corcel perto de Gov. Valadares, sendo operado naquela cidade para retirada do baço.

Enquanto isso, nos porões da ditadura o pau comia solto. Literalmente.



Primeiro lugar o Puma de Jan Balder/Malowski

Segundo lugar o Corcel de Goldberg...

Terceiro lugar

Em Fortaleza, mecânicos colocam as baratas em ordem. Essas são os Corcel da Ford/Greco...

Autódromo Virgílio Távora, Fortaleza, 04/07/1971...




Roteiro Rallye da Integração Nacional...



Autor da pesquisa: Luiz César, Membro do clube

7 comentários:

Daniel disse...

Muito boa essa pesquisa.
Pena que teve um corcel que capotô.
Infelizmente...

Everton disse...

Muito legal essa pesquisa mesmo!!Adorei conhecer o blog, sou muito fã do Corcel (algum dia terei um ainda).Vi um comentário no meu blog hoje foi o 'Rider' que comentou, valeu por ter comentado, isso fez com que eu descobrisse o Clube do Corcel, vou aparecer mais por aqui com certeza!!

Luiz disse...

Eu competi no Rally e procuro deseperadamente o resultado final pois so lembro ter chegado em 12o lugar num Corcel 1600Cc com Weber duplo corpo. Tenho algumas fotos em casa e poderia fornecer o numero do carro mas como escrevi do esc., fico devendo.
Meu co-piloto (ja falecido) era Joao Carlos Bastian. Agradeço colocar no site o resultado se possivel ou mandar via email:
pspyder.rsr@gmail.com.
Luiz F. Fuchs
(morando hoje em Paris/França)

Carlos disse...

O segundo lugar na geral foi o Corcel GT 1970 de Geraldo Goldberg piloto e Francisco Roembler navegador , hoje estou montando um carro igual ao deles para competir nas provas de rally de carros antigos. O Rally da Integracao foi espetacular , lembro quando os competidores chegaram em Porto Alegre , a Av. Farrapos foi bloqueada para a chegada ...

Mestre Joca disse...

Caro Sr. Luis César,
Gostaria de fazer uma correção: a foto que aparece o Corcel # 74 é minha, pertence ao meu arquivo pessoal, portanto estranho a marca d´agua deste blog na fotografia.

Estou ao lado, de calça jeans e camisa branca de mangas compridas - e nada tem a ver com o Rali da Integração nacional.

Esta prova é as 200 Milhas de Brasilia, disputada em novembro de 1969 e o Corcel em questão é o da equipe mineira Cisa. O piloto ao lado do carro é o jornalista Bóris Feldman.

Nem sequer foi dado crédito á foto que foi publicada uma vez no Blog do Flávio Gomes e como ilustração de uma coluna minha.

Jose Carlos disse...

Lendo o comentário do Luiz que declara ter corrido no Rallye da Integração com um Corcel 1600, tudo bem mas com motor 1600 acho muito improvável: os motores mais potentes do Corcel da época usavam um Kit da Cima e eram 1.5 ( na verdade 1440cc)

Jose Carlos disse...

Faltou dizer: fui cronometrista desse rallye na Equipe da CBA( posteriormente, Tempus Cronometragem)